8 de out de 2010

Animais híbridos

Me lembro que na época em que era criança havia um desenho chamado The Wuzzles, cujos personagens eram híbridos de espécies animais bem diferentes. Tinha a Ursoleta = urso + borboleta; Abeleão = abelha + leão; Rinocaco = rinoceronte + macaco; Alçoca = alce + foca; Hipocó = hipopótamo + coelho e Eleru = elefante + canguru.

Entretanto cruzamentos assim já não são exclusividade dos desenhos animados. Com o cruzamento de espécies mais próximas, do que um rinoceronte e um macaco por exemplo, é possível sim que se originem novos animais. A seguir conheceremos quatro destes:


Lhes apresento o liger, cruzamento de leão e tigre.


Este é o caraval, cruzamento entre lince e serval (uma espécie de gato)


Vocês conhecem o zebralo? Cruzamento de zebra com cavalo...


E este é o wolphin, cruzamento de baleia com golfinho!

Não sei vocês, mas só achei bacana o Liger.

2 comentários:

MClara disse...

Eu vi matérias sobre esse Liger (jurava que era Ligre... enfim) e, apesar de tê-lo achado bem bonitão, confesso que fiquei com muita pena dele! Vc viu sobre os problemas de saúde que ele é propenso a desenvolver?

Mas oq eu achei pior foi a declaração do dono do parque/reserva/zoológico onde ele vive: disse o cara que o cruzamento das espécies foi por acaso, mas que ele não hesitaria em gerar novos Ligers para atrair mais espectadores ao seu parque! Finalidade meramente comercial...

Achei muito triste...

Daniel disse...

Olá MClara,

O Liger pode ser também Ligre, quando aportuguesado.

Sobre os problemas que está propenso a desenvolver, não sabia, mas em muitos casos, cruzamentos como esse acabam mesmo acarretando problemas para o animal resultante.
E como é ruim descobrir que em alguns casos o que move tais cruzamentos é tão somente um interesse comercial. Chega a ser revoltante a falta de sensibilidade do ser humano para com a natureza, da qual ele mesmo faz parte.

Related Posts with Thumbnails