24 de abr de 2009

War Child: Heroes

"War Child: Heroes" é um mais projeto colaborativo que envolve músicos em torno de uma causa humanitária, neste caso, as crianças que vivem em meio a conflitos armados. Os músicos gravam um disco cujas vendas são diretamente revertidas para o projeto. Até aí nada de novo. A diferença do "War Child: Heroes" é a forma como foram escolhidas as canções e os artistas envolvidos.

Primeiramente foram convidados 16 artistas renomados: Bob Dylan, The Kinks, Bruce Springsteen, os remanescentes do Joy Division, The Clash, os remanescentes do Ramones, Blondie, Paul McCartney, Stevie Wonder, Brian Wilson, Roxy Music, Iggy Pop, Leonard Cohen, U2, Elvis Costello e David Bowie.

Feito isso, foi pedido que cada um destes artistas escolhesse uma música de seu repertório e um artista da nova geração para interpretá-la. O resultado? Bom, temos Bob Dylan que selecionou "Leopard-Skin Pill-Box Hat”, conferindo à Beck a missão de interpretá-la, Blondie que escolheu Franz Ferdinand como novo intérprete para "Call Me", Paul McCartney que gostaria de ouvir "Live and Let Die" na voz de Duffy ou ainda TV on Radio dando sua marca à "Heroes" a pedido do próprio David Bowie.





A seguir a trilha completa do cd:

Beck (Bob Dylan - “Leopard-Skin Pill-Box Hat”)
The Kooks (The Kinks – “Victoria”)
The Hold Steady (Bruce Springsteen – “Atlantic City”)
Hot Chip (Joy Division – “Transmission”)
Lily Allen feat. Mick Jones (The Clash – “Straight To Hell”)
Yeah Yeah Yeahs (The Ramones – “Sheena Is A Punk Rocker”)
Franz Ferdinand (Blondie – “Call Me”)
Duffy (Paul McCartney – “Live And Let Die”)
Estelle (Stevie Wonder – “Superstition”)
Rufus Wainwright (Brian Wilson –“ Wonderful & Song For Children”)
Scissor Sisters (Roxy Music – “Do The Strand”)
Peaches (Iggy Pop – “Search And Destroy”)
Adam Cohen (Leonard Cohen – “Take This Waltz”)
Elbow (U2 – “Running To Stand Still”)
The Like (Elvis Costello – “You Belong To Me”)
TV On The Radio (David Bowie – “Heroes”)

Tive a oportunidade de ouvir algumas destas novas versões. O que posso sobre elas dizer? Algumas soam interessante, outras diferentes, outras estranhas e algumas ruins. Mas, diante de tais nomes, realizar versões que pelo menos se igualem às originais já é tarefa quase impossível, o que dirá superá-las. O importante mesmo é a causa na qual os artistas estão envolvidos. Nesse caso todos bateram um bolão.

Para mais informações sobre o projeto ou sobre a organização War Child acesse: www.warchild.org

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails